Por que o cachorro sentou ao lado do rádio?
Porque ele queria ser um sub-woofer!


Por que o cachorro atravessou a estrada?
Para perseguir o carro do correio!

Qual é o tipo de cachorro que faz magia?
Um labra-cadabra-dor!

Por que o cachorro sentou ao lado do rádio?
Porque ele queria ser um sub-woofer!


Por que o cachorro atravessou a estrada?
Para perseguir o carro do correio!

Qual é o tipo de cachorro que faz magia?
Um labra-cadabra-dor!

Por que o cachorro não gosta de computadores?
Porque ele não consegue encontrar o osso no teclado!

O que o cachorro disse quando viu um gato?

É um miau-tivo para correr!

Por que o cachorro foi ao banco?
Para fazer um empréstimo de ossos!

O que o cachorro disse quando viu um sanduíche?
Isso é pata-liscioso!

Por que o cachorro foi ao médico?
Porque ele tinha pulgas!

O que o cachorro disse quando viu um osso?
Isso é ossom!

Por que o cachorro foi à loja de música?
Para comprar um trom-bone!

O que o cachorro disse quando viu um carro?
Isso é rodas-tico!

Por que o cachorro foi à escola?
Para aprender a latir em diferentes idiomas!

O que o cachorro disse quando viu um livro?
Isso é literAUtura!

Por que o cachorro foi ao restaurante?
Para pedir um prato de ossos!

O que o cachorro disse quando viu um pássaro?
Isso é asa-tástico!

Por que o cachorro foi ao cinema?
Para assistir a um filme de ação!

O que o cachorro disse quando viu um peixe?
Isso é natAUção!

Por que o cachorro foi à praia?
Para cavar um buraco na areia!

Por que o Bulldog levou um lápis para a cama?
Porque ele queria desenhar os sonhos!
Um homem estava passeando com seu cachorro em uma floresta. De repente, o cachorro correu para um arbusto e começou a latir. O homem foi verificar e viu um gênio preso em uma garrafa.

O homem abriu a garrafa e o gênio saiu. “Obrigado por me libertar! Em troca, concederei três desejos”, disse o gênio.

O homem ficou surpreso e disse: “Eu gostaria de ser rico”. O gênio estalou os dedos e o homem se viu cercado por pilhas de ouro e joias.

“Meu segundo desejo é ter uma casa grande e bonita”, disse o homem. O gênio estalou os dedos novamente e uma mansão apareceu ao lado deles.

“Finalmente”, disse o homem, “eu gostaria que meu cachorro pudesse falar”. O gênio olhou para o cachorro, estalou os dedos e de repente o cachorro começou a falar.

“Finalmente”, disse o cachorro, “agora posso te dizer que eu enterrei todos os seus sapatos no quintal!”.